domingo, 8 de setembro de 2013

Montando um bom computador

Antes de mais nada precisamos ter a noção de que o computador é formado pela união de vários componentes que trabalham em conjunto. os citados abaixo são os mais importantes para se montar um PC, pois realmente fazem a diferença no desempenho final.
Bom, vamos as peças que precisaremos para compor um conjunto ideal de trabalho:
  1. Processador
  2. Placa mãe
  3. Memória
  4. Placa de vídeo
Estas são as peças principais para a montagem de um bom computador. Algumas pessoas vão me perguntar: “porque não incluiu o HD, DVDROM, fonte, gabinete e acessórios?”. Acredito que o principal é primeiro fazermos com que as principais peças que compõe a parte de transmissão de dados e processamento dos dados, sejam compatíveis entre si e possam trabalhar em sua melhor performance sem afetar a outra, o que na maioria dos PCs não é levado em conta.
Vamos aos dados: em toda placa mãe temos um chip, chamado chipset central que é onde ficam as pontes norte e sul (controladores do sistema e dos periféricos). Este chip é importante, pois vai determinar o desempenho da placa mãe e também sua arquitetura, ou seja, quais equipamentos ela pode suportar (memória, processador, hd, etc…), assim como demonstram as figuras abaixo:



Placa mãe baseada em chipset AMD 880g (existem outras mais potentes), com slots para cross-fire. ASUS M4A88T-V EVO/USB3 AM3 AMD 880G
 
Memória DDR 3 1333mhz 4GB

 Placa de Vídeo ATI Radeon HD 6870 DDR5


Processador AMD Phenom 2 X4 965


Agora vamos aos fatos e porque esta configuração; primeiro a placa mãe, porque a questão do chipset? Como já disse antes o chipset é que vai ditar a arquitetura da placa mãe e o chip 880g suporta as memórias de FSB 1333mhz DDR3.

Para processador escolhi um AMD, justamente pelo chip da placa mãe ser AMD também, e devido a isso ele provavelmente vai trabalhar melhor com a placa mãe. Ele também aceita barramentos com as Memórias DDR3 1333 tranquilamente.

As memórias são questões a parte. Vale um certo investimento em uma boa quantidade de memória, pensando sempre no sistema operacional que será instalado, pois cada sistema suporta uma quantidade máxima de memória RAM.

Exemplo: o Windows 7 32bits consegue ler até 3,5GB, enquanto que a versão 64bits reconhece mais de 4GB. Ai entra a questão quanto de memória vou instalar? Isso também serve para o sistema Vista.
E por fim, escolhi como placa de vídeo a ATI, porque justamente a GPU dela é também AMD, por isso o chipset pode amanhã me dar a opção para fazer um cross-fire em meu computador, evitando que eu precise fazer um alto investimento em uma nova placa para melhorar o desempenho de meu PC.

Este é apenas um tipo de configuração poderia fazer outra com a Intel, com chipset da NVIDIA, enfim há uma variedade muito grande de formas de se montar um PC, devemos apenas nos lembrar que é muito importante que tentemos ser coerentes com as peças para que elas trabalhem da melhor forma possível sem uma forçar a outra.

Espero ter ajudado a entender o processo de configuração de uma boa máquina.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...