quinta-feira, 12 de setembro de 2013

Limpeza da Fonte e Gabinete – parte 2

No post anterior você aprendeu o passo a passo. Agora saiba quais os cuidados necessários para a limpeza da fonte e do gabinete: 

1º) Não é recomendável lubrificar ventoinhas com spray de óleo desengripante (WD40 ou similares). O resultado será uma “lubrificação” pífia de curta duração e a aceleração na deposição da poeira, justamente nos pontos mais indesejáveis, as extremidades do eixo, dificultando ainda mais sua remoção, fazendo com que a ventoinha fique propensa a travamentos. Note que desengripar não é sinônimo de lubrificar nem de limpar.

2º) Não utilize grafite em pó em equipamentos eletrônicos. O grafite é um excelente condutor elétrico, mas pode causar curtos-circuitos facilmente, com consequências imprevisíveis e nada agradáveis.

3º) Não usar ar comprimido: uma recomendação frequentemente presente em manuais de manutenção industrial é a de não permitir que os componentes que possam girar se movimentem livremente. A razão disso é que buchas e rolamentos são dimensionados para determinadas faixas de velocidades e é fácil exceder essa faixa com o impulso do ar comprimido, o que pode acarretar danos aos rolamentos/buchas.
Vale comentar também que a popular limpeza de placas de circuitos impressos – como a placa mãe – por meio de ar comprimido também representa riscos, em parte advindos de contaminantes presentes no ar e umidade, mas principalmente pela eletricidade estática gerada pelo atrito do ar contra os componentes, particularmente quando o ar está muito seco. Isto pode gerar potenciais da ordem de milhares de volts.

Então o que fazer eu posso fazer?
Um método de recuperação / manutenção muito superior, embora ligeiramente mais trabalhoso, é a lubrificação direta do eixo + bucha ou rolamento.
Para isso, basta levantar o adesivo com o logotipo do fabricante até expor o plugue de borracha que veda o alojamento da bucha / rolamento removendo-o a seguir e depositando uma única gotícula de óleo fino (conhecido como “óleo de máquina” – entre eles o famoso e ótimo “Singer”), cuidando para não contaminar a superfície ao redor, o que impediria a re-adesão da etiqueta, importante em alguns casos para manter o plugue no lugar e evitar algum vazamento do óleo.
Reinstale o plugue e o adesivo, preferivelmente faça a ventoinha funcionar por alguns minutos ainda deitada, se possível em baixa rotação (ligue em 5V) de modo a facilitar a penetração do óleo na bucha / rolamento. Melhor ainda, se você é habilidoso, é desmontar completamente a ventoinha para uma limpeza rigorosa do mancal. Água raz funciona bem na remoção de acúmulos de graxa, não use thinner, aplique com um trapo ou cotonete. Não permita que o solvente penetre no rolamento se o mancal for desse tipo, isto degradaria severamente o lubrificante.
Pronto! Pode colocar o cooler no lugar e está pronta para o uso.

GABINETE
O correto é desmontarmos todo o PC e deixar o gabinete livre de qualquer peça ou componente interno, depois disso passamos um ar comprimido nele e em seguida uma buchinha úmida com detergente. Depois retiramos o detergente  com uma flanela e pronto! Pode-se até lavar o gabinete, mas tem que secar bem. Recolocamos os componente e estamos pronto para o uso.
E aí? Gostou da série? Em caso de dúvidas me encaminhem via comentário.


Até o próximo post!
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...